02

Nacionalidade Portuguesa - Dr. André Pinto de Sousa



Jurídico – Quando a questão for de caráter jurídico-legal, comercial ou consultoria, a Associação recomenda profissionais altamente qualificados no Brasil e em Portugal, atendendo todas as áreas do direito, inclusive, escritórios com representações na Europa .



Portugal – Assessoria gratuita envolvendo tudo o que seja do interesse pessoal/particular do contribuinte, incluindo uma carteira de parceiros em Lisboa, tais como: Hotéis / Locação de automóveis / Restaurantes / Recepção no aeroporto / Roteiros turísticos / Eventos / etc.



Brasil – Assessoria gratuita junto ao Consulado Geral de Portugal em São Paulo, na obtenção de passaporte português e cartão do cidadão (usado em substituição ao antigo Bilhete de Identidade)  – custas, taxas e emolumentos são pagamentos, à parte, pelo requerente.


Adquirir a Nacionalidade Portuguesa por ascendência é um privilégio dos luso-descendentes e você não deve perder essa oportunidade.

Participar ou prestigiar as Associações Luso Brasileiras é descobrir um pouco dos hábitos, costumes, valores e história de sua gente, a história de sua própria origem!


Nacionalidade portuguesa para filhos, netos e bisnetos

Nacionalidade portuguesa quanto vale ?

top3

Ajuda a Moçambique

Brasil doou mais de duas toneladas de arroz e feijão a Moçambique

Doações do Brasil e Espanha vão ajudar mais de 80 mil pessoas em Moçambique vítimas das cheias; Nações Unidas indicam que contribuições vão ajudar a melhorar segurança alimentar.


O Programa Mundial de Alimentação das Nações Unidas em Moçambique, PMA, agradeceu a doação de 2.236 toneladas de arroz e feijão do Brasil e US$ 1,3 milhão de Espanha para despesas de transporte da ajuda alimentar.



De acordo com o PMA, o arroz e o feijão vão ajudar a melhorar a segurança alimentar de cerca de 64,3 mil famílias moçambicanas em situação vulnerável, a residirem nas zonas do país afectadas pelas inundações e secas.

“Esta doação do governo do Brasil reflete o sentimento de solidariedade e fraternidade dos brasileiros para com o povo moçambicano”, afirmou o Ministro Nei Bitencourt, encarregado de Negócios do Brasil em Maputo.

Restabelecer Estoques

A doação permite ao PMA reabastecer os estoques de alimentos no país. A agência utiliza esses alimentos nas operações de alívio e de recuperação, quando estão na fase inicial.

Neste momento, a agência da ONU planeia distribuir alimentos para mais de 83 mil pessoas nas províncias da Zambézia e Maputo. Essas pessoas foram vítimas da tempestade tropical Dando e do ciclone Funso, que atingiram Moçambique em Janeiro.

O PMA adverte, no entanto, que o número total de vítimas pode aumentar assim que as avaliações de outras necessidades em outras províncias forem concluídas.

A maior parte da doação será distribuída sob a modalidade de comida pelo trabalho, que se centra na participação dos beneficiários na criação de bens comunitários em troca de alimentos nutritivos.


fonte  

Rede Meus Amigos - Entrar

Pesquisar


Quem está online

Temos 40 visitantes e sem membros em linha

Nacionalidade Portuguesa
redes sociais facebook
Entre em contato